| AVISOS AOS INVESTIDORES


24
/06/2017 - CEMIG GERAÇÃO E TRANSMISSÃO S.A. - NC001600028

COMUNICAÇÃO DE OFERTA DE RESGATE ANTECIPADO AOS TITULARES DAS NOTAS PROMISSÓRIAS COMERCIAIS, EM SÉRIE ÚNICA, DA 7ª (SÉTIMA) EMISSÃO DA CEMIG GERAÇÃO E TRANSMISSÃO S.A. - CEMIG GERAÇÃO E TRANSMISSÃO S.A., na qualidade de emissora de notas promissórias comerciais, em série única, da sua 7ª (sétima) emissão (“Emissora”, “Emissão” e “Notas Promissórias”, respectivamente), vem, por meio da presente, nos termos das cártulas representativas das Notas Promissórias (“Cártulas”), comunicar a todos os detentores das Notas Promissórias (“Notistas”), sem distinção, que realizará, em 17 de julho de 2017 (“Data de Pagamento da Oferta de Resgate Antecipado”), condicionada à deliberação de seus órgãos competentes, a oferta de resgate antecipado parcial de 20 (vinte) Notas Promissórias (“Oferta de Resgate Antecipado” e “Limite de Notas Promissórias a serem Resgatadas”, respectivamente), observados os termos e condições abaixo. Os termos aqui utilizados, exceto se de outra forma definidos, terão o significado atribuído a eles nas Cártulas. A Oferta de Resgate Antecipado será realizada para os Notistas que assim desejarem e se manifestarem nesse sentido, na forma do comunicado de adesão substancialmente na forma do Anexo I (“Comunicado de Adesão”), não estando a presente Oferta de Resgate Antecipado condicionada à aceitação de um percentual mínimo de Titulares das Notas Promissórias. Caso haja demanda superior ao Limite de Notas Promissórias a serem Resgatadas, o Agente Fiduciário deverá realizar o procedimento de sorteio, na mesma forma prevista no item 6.1.1 das Cártulas, entre todos os Notistas aderentes à Oferta de Resgate Antecipado para determinar quais Notas Promissórias serão objeto da Oferta de Resgate Antecipado, respeitando-se o Limite de Notas Promissórias a serem Resgatadas. A Emissora procederá com a aquisição das Notas Promissórias objeto da Comunicação de Adesão mediante o pagamento do Valor Nominal Unitário, acrescido da Remuneração incidente sobre as Notas Promissórias a serem resgatadas, calculados pro rata temporis, desde a Data de Emissão (inclusive) até a Data de Pagamento da Oferta de Resgate Antecipado (exclusive), sendo certo que não será devido qualquer prêmio para o resgate. O resgate antecipado das Notas Promissórias implica na extinção do título, sendo vedada sua manutenção em tesouraria. Os Notistas que desejarem aderir à Oferta de Resgate Antecipado deverão enviar uma cópia do Comunicado de Adesão em via física ou eletrônica para a Emissora, com cópia para o Agente Fiduciário, em até 3 (três) Dias Úteis contados da presente data. As comunicações a serem enviadas para a Companhia em cópia para Agente Fiduciário deverão ser encaminhadas para os dados de contato constantes das Cártulas. O Resgate deverá ser realizado, (i) com relação às Notas Promissórias custodiadas eletronicamente na CETIP, conforme procedimentos adotados pela CETIP; e/ou (ii) com relação às Notas Promissórias Comerciais que não estiverem custodiadas eletronicamente na CETIP, na sede da Companhia e/ou em conformidade com os procedimentos do Escriturador, conforme aplicável. Belo Horizonte, 24 de junho de 2017.


31/05/2017 - CEMIG GERAÇÃO E TRANSMISSÃO S.A. - NC001600028

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA GERAL DE TITULARES DE NOTAS PROMISSÓRIAS DA SÉTIMA EMISSÃO, EM SÉRIE ÚNICA,DA CEMIG GERAÇÃO E TRANSMISSÃO S.A.Ficam convocados os titulares das Notas Promissórias da Sétima Emissão, em Série Única, da Cemig Geração e Transmissão S.A. (“Titulares das Notas”, “Notas Promissórias” e “Companhia”, respectivamente) a reunirem-se em Assembleia Geral de Titulares das Notas, nos termos da Cláusula XI das Cártulas das Notas Promissórias, celebradas em 01 de julho de 2016 (Cártulas Originais”), a ser realizada, em primeira convocação, no dia 19 de junho de 2017, às 10:00 hs., na sede da Companhia, localizada na Cidade de Belo Horizonte, Estado de Minas Gerais, na Avenida Barbacena, nº 1.200, 12º andar, ala B1, Santo Agostinho (“AGN”), a fim de deliberar sobre: (I) a alteração da data de vencimento das Notas Promissórias para o dia 25 de agosto de 2017; (II) a autorização para que a Emissora e a Avalista assinem novas cártulas das Notas Promissórias, que substituirão aquelas anteriormente assinadas, conforme procedimento a ser definido pela Companhia, a Avalista e os Titulares das Notas; (III) a autorização para que a Emissora e a Avalista, conforme aplicável, adotem todas as providências necessárias junto à CETIP S.A. – Mercados Organizados (“CETIP”), para fins substituição das Cártulas Originais pelas novas cártulas e (IV) autorização para que a Emissora e a Avalista assinem todos os documentos necessários à efetivação das deliberações acima. São Paulo, 31 de maio de 2017.CEMIG GERAÇÃO E TRANSMISSÃO S.A.


19/05/2017 - CONTAX PARTICIPAÇÕES S.A. - CTAP13

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA GERAL DE DEBENTURISTAS DA 3ª (TERCEIRA) EMISSÃO PÚBLICA DE DEBÊNTURES DA CONTAX PARTICIPAÇÕES S.A. Ficam convocados os titulares das debêntures da 3ª (terceira) emissão pública de debêntures simples, não conversíveis em ações, da espécie quirografária, com garantia fidejussória, da Contax Participações S.A. (“Debenturistas”, “Emissão”, “Debêntures” e “Companhia”, respectivamente) a reunirem-se em Assembleia Geral de Debenturistas, nos termos da Cláusula 9.1 e seguintes do “Instrumento Particular de Escritura de Emissão Pública de Debêntures Simples, Não Conversíveis em Ações, da Espécie Quirografária, com Garantia Fidejussória, da Terceira Emissão de Contax Participações S.A.”, celebrado em 11 de julho de 2014, conforme alterado de tempos em tempos (“Escritura”), a ser realizada, em primeira convocação, no dia 05 de junho de 2017, às 10h45min, na sede da Companhia, localizada na Avenida Paulista, 407, 8º andar, na cidade de São Paulo, Estado de São Paulo (“AGD”), a fim de deliberar sobre as seguintes matérias:(i) a possibilidade de alteração, temporária ou definitiva, das datas de pagamento e da periodicidade de pagamento da remuneração das Debêntures previstas na Cláusula 6.15 da Escritura, nos termos previstos na proposta da administração divulgada pela Companhia nesta data, a qual poderá vir a ser complementada previamente à AGD (“Proposta da Administração”);(ii) a possibilidade de alteração do número de séries das Debêntures no âmbito da Emissão, bem como da quantidade de Debêntures distribuídas entre cada série, conforme previstos nas Cláusulas 6.5 e 6.3, respectivamente, da Escritura, nos termos descritos na Proposta da Administração;(iii) a possibilidade de alteração da data de vencimento das Debêntures e dos prazos de pagamento de amortização do valor nominal unitário das Debêntures previstos, respectivamente, nas Cláusulas 6.13 e 6.14 da Escritura, nos termos descritos na Proposta da Administração;(iv) a possibilidade de repactuação, temporária ou definitiva, dos termos e condições, incluindo as condições de pagamento e sobretaxa, da remuneração das Debêntures previstas na Cláusulas 6.15 da Escritura, incluindo a possibilidade de alteração da remuneração das Debêntures prevista na Escritura, nos termos previstos na Proposta da Administração;(v) a possibilidade de exclusão do Mecanismo de Step Up, conforme definido na Cláusula 6.15.4 da Escritura, nos termos descritos na Proposta da Administração;(vi) a possibilidade de dispensa de manutenção, pela Companhia, e/ou alteração dos índices financeiros previstos no item X da Cláusula 6.27.2 da Escritura, nos termos da Proposta da Administração;(vii) a possibilidade de inclusão, na Escritura, de previsão de amortizações extraordinárias antecipadas parciais proporcionais do valor nominal unitário das Debêntures a serem realizadas semestralmente pela Companhia (mecanismo de Cash Sweep), condicionadas à verificação de excedente de caixa pela Companhia, em contrapartida à aprovação das demais matérias a serem deliberadas na AGD, de acordo com os termos e condições descritos na Proposta da Administração;(viii) a possibilidade de inclusão, na Escritura, de previsão de (viii.1) opção de venda das Debêntures, por meio do qual a Companhia se obrigará a adquirir a totalidade das Debêntures dos Debenturistas que, à sua exclusiva opção, assim se manifestarem,mediante entrega de novos valores mobiliários a serem emitidos pela Companhia, de acordo com os termos e condições descritos na Proposta da Administração e aqueles que vierem a ser definidos no âmbito da AGD; e/ou (viii.2) mecanismo de permuta das Debêntures, à exclusiva opção dos Debenturistas, por novos valores mobiliários a serem emitidos pela Companhia e entregue aos Debenturistas, de acordo com os termos e condições descritos na Proposta da Administração e aqueles que vierem a ser definidos no âmbito da AGD, incluindo os termos e condições relacionados a forma de realização da permuta das Debêntures pela Companhia no âmbito de tal mecanismo;(ix) a possibilidade de alteração do valor nominal unitário das Debêntures previsto na Cláusula 6.4 da Escritura; e (x) a autorização para que o Agente Fiduciário (conforme abaixo definido), na qualidade de representante dos Debenturistas, em conjunto com a Companhia, adote e pratique todos e quaisquer atos e tome todas as providências necessárias para dar efeito às deliberações aprovadas no âmbito da AGD convocada por meio deste edital, incluindo, sem limitação, a possibilidade de celebração e formalização de aditamento à Escritura, caso necessário, para refletir eventuais alterações decorrentes das deliberações adotadas pelos Debenturistas no âmbito da AGD.Os demais termos e condições das matérias descritas acima não contidos neste edital, incluindo aqueles relacionados às condições de eficácia da aprovação das matérias descritas acima pelos Debenturistas na AGD, estão devidamente detalhados na Proposta da Administração divulgada pela Companhia nesta data. Instruções gerais aos Debenturistas: (1) a documentação relativa à matéria constante da Ordem do Dia prevista acima está à disposição dos Senhores Debenturistas na sede da Companhia e pode ser visualizada na rede mundial de computadores, nas páginas da CVM (www.cvm.gov.br), da BM&FBOVESPA (www.bmfbovespa.com.br) e da Companhia (http://ri.contax.com.br/); e (2) visando conferir maior celeridade ao processo de cadastramento dos Debenturistas presentes na AGD para fins de deliberação, solicitamos ao Debenturista que desejar ser representado por procurador que deposite, antecipadamente, o respectivo mandato, com poderes especiais, devidamente acompanhado de cópia dos atos societários e/ou documentos que se façam necessários à comprovação da representação de tal Debenturista, quando pessoa jurídica, na sede da Companhia, conforme indicada acima, aos cuidados de sua Diretoria Jurídica, e, também, na sede e endereço eletrônico (fiduciario@simplificpavarini.com.br) da Simplific Pavarini Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários Ltda., na qualidade de representante dos Debenturistas no âmbito da Emissão (“Agente Fiduciário”).São Paulo, 19 de maio de 2017. Cristiane Barretto Sales Diretora de Relações com Investidores PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO


09/11/2016 - CONTAX PARTICIPAÇÕES S.A. - CTAP13

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA GERAL DE DEBENTURISTAS DA 3ª (TERCEIRA) EMISSÃO PÚBLICA DE DEBÊNTURES DA CONTAX PARTICIPAÇÕES S.A. Ficam convocados os titulares das debêntures da 3ª (terceira) emissão pública de debêntures simples, não conversíveis em ações, da espécie quirografária, com garantia fidejussória, da Contax Participações S.A.(“Debenturistas”, “Emissão”, “Debêntures” e “Companhia”, respectivamente) a reunirem-se em Assembleia Geral de Debenturistas, nos termos da Cláusula 9.1 e seguintes do “Instrumento Particular de Escritura de Emissão Pública de Debêntures Simples, Não Conversíveis em Ações, da Espécie Quirografária, com Garantia Fidejussória, da Contax Participações S.A.”, conforme alterado de tempos em tempos (“Escritura”), a ser realizada, em primeira convocação, no dia 25 de novembro de 2016, às 11h15min, na sede da Companhia, localizada na Avenida Paulista, 407, 8º andar, na cidade de São Paulo, Estado de São Paulo (“AGD”), a fim de deliberar sobre: (i) a dispensa (i.a) da observância do prazo previsto na Escritura para celebração do Contrato de Garantia (conforme definido na Cláusula 7.1, item (XXII), alínea “(ii)”, da Escritura); e (i.b) da obrigação de celebração do Contrato de Penhor e do Contrato de Promessa de Penhor (conforme definidos na Cláusula 7.1, item (XXII), alínea “(iii)”, da Escritura); (ii) a alteração de determinados termos e condições relacionados ao Mecanismo de Step Up (conforme definido na Cláusula 6.15.4, da Escritura), de forma a prever os critérios de seu pagamento pela Companhia no exercício social a se encerrar em 31 de dezembro de 2021; (iii) a alteração de determinados termos e condições relacionados à Remuneração das Debêntures (conforme definida na Cláusula 6.15, item (II), da Escritura) com o objetivo de regular a redação da Cláusula 6.15, item (II), da Escritura relativa ao período de carência para pagamento da Remuneração das Debêntures estabelecido entre a Companhia e os Debenturistas no âmbito do Reperfilamento (conforme definido na Escritura); (iv) a ratificação da amortização extraordinária parcial do saldo devedor das Debêntures, apurado em 15 de janeiro de 2016, com os recursos oriundos da Alienação da Divisão Allus (conforme definido na Cláusula 7.1, item (XXII), da Escritura), no valor total de R$58.566.493,84 (cinquenta e oito milhões, quinhentos e sessenta e seis mil, quatrocentos e noventa e três reais e oitenta e quatro centavos), valor este referente à amortização extraordinária parcial de principal das Debêntures e pagamento parcial proporcional dos juros das Debêntures devidos pela Companhia até 10 de outubro de 2016 (“Data de Amortização”), nos termos previstos na Cláusula 7.1, item (XXII), da Escritura e no Contrato de Garantia, bem como encerrar as contas vinculadas objeto do Contrato de Garantia e destinar eventual saldo decorrente de investimentos permitidos ao caixa da Companhia; e (v) a autorização para que o Agente Fiduciário (conforme abaixo definido), na qualidade de representante dos Debenturistas, adote e pratique todos e quaisquer atos e tome todas as providências necessárias para dar efeito às deliberações adotadas no âmbito da assembleia geral de debenturistas convocada por meio deste edital, incluindo, sem limitação, a possibilidade de celebração e formalização de aditamento à Escritura, caso necessário, para refletir eventuais alterações decorrentes da AGD convocada por meio deste edital, conforme o caso, na medida em que tais alterações venham a ser definidas entre a Companhia e os Debenturistas no âmbito da AGD. Instruções gerais aos Debenturistas: (1) a documentação relativa à matéria constante da Ordem do Dia prevista acima está à disposição dos Senhores Debenturistas na sede da Companhia e 2 pode ser visualizada na rede mundial de computadores, nas páginas da CVM (www.cvm.gov.br), da BM&FBOVESPA (www.bmfbovespa.com.br) e da Companhia (www.contax.com.br/ri); e (2) visando conferir maior celeridade ao processo de cadastramento dos Debenturistas presentes na AGD para fins de deliberação, solicitamos ao Debenturista que desejar ser representado por procurador que deposite, antecipadamente, o respectivo mandato, com poderes especiais, devidamente acompanhado de cópia de atos societários e/ou documentos que se façam necessários à comprovação da representação do Debenturista, quando pessoa jurídica, na sede da Companhia, conforme indicada acima, aos cuidados de sua Diretoria Jurídica, e, também, na sede da Simplific Pavarini Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários Ltda. (“Agente Fiduciário”), na qualidade de Agente Fiduciário da Emissão. São Paulo, 09 de novembro de 2016 - Cristiane Barretto Sales - Diretora de Relações com Investidores - PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO
 


23/09/2016 - DURATEX S.A. - DTEX-D11


23/09/2016 - DURATEX S.A. - DTEX-D11

Edital de Convocação ASSEMBLEIA GERAL DE DEBENTURISTAS DA 1ª EMISSÃO PRIVADA DE DEBÊNTURES, COM GARANTIA FLUTUANTE, CONVERSÍVEIS EM AÇÕES DE EMISSÃO DA DURATEX S.A. ("1ª Emissão") Ficam convocados os titulares das debêntures da 1ª Emissão da DURATEX S.A para a Assembleia Geral de Debenturistas, que ocorrerá no dia 23 de setembro de 2016, às 10:00 horas, no auditório da sede social, na Avenida Paulista, 1938, 5º andar, em São Paulo (SP), para deliberarem sobre:(i) o que trata o item 25.2 da Cláusula III da Escritura de Emissão pelo não cumprimento da obrigação especial da Emissora descrita no item 24.1."s" da Cláusula III da Escritura de Emissão relativa ao trimestre encerrado em 30.06.2016;(ii) a ratificação da mudança do jornal das publicações legais para "O Estado de S. Paulo", em função da descontinuidade da circulação da versão impressa do "Diário do Comércio"; e (iii) a autorização para que o Agente Fiduciário adote e pratique todos e quaisquer atos e tome todas as providências necessárias para dar efeito às deliberações adotadas no âmbito da Assembleia Geral de Debenturistas, incluindo, sem limitação, a possibilidade de celebração e formalização de aditamento à Escritura, caso necessário, para refletir eventuais alterações decorrentes dessa Assembleia.Os documentos a serem analisados na Assembleia encontram-se à disposição dos debenturistas no website de relações com investidores da Companhia (www.duratex.com.br/ri), bem como no website da CVM (www.cvm.gov.br) e da BM&FBOVESPA (www.bmfbovespa.com.br).Para exercer seus direitos, os debenturistas deverão comparecer à Assembleia portando documento de identidade e comprovante de depósito das debêntures emitido pela instituição depositária, contendo a respectiva quantidade de debêntures. Os debenturistas podem ser representados na Assembleia por procurador, nos termos do artigo 126 da Lei 6.404/76, desde que o procurador esteja com documento de identidade e os seguintes documentos comprovando a validade da procuração: (a) Pessoas Jurídicas: cópia autenticada do contrato/estatuto social da pessoa jurídica representada, comprovante de eleição dos administradores e a correspondente procuração, com firma reconhecida em cartório; (b) Pessoas Físicas: a correspondente procuração, com firma reconhecida em cartório.De modo a facilitar os trabalhos na Assembleia, a Companhia sugere que os debenturistas representados por procuradores enviem, com antecedência mínima de 48 horas, cópia dos documentos acima elencados por correio ou portador para Duratex S.A., Avenida Paulista, 1938, 19º andar, Bela Vista, São Paulo-SP - CEP 01310-942 ou para o fax (011) 3543-4101, ou ainda para o e-mail investidores@duratex.com.br.São Paulo (SP), 22 de agosto de 2016. CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO  Salo Davi Seibel Presidente ANTONIO JOAQUIM DE OLIVEIRA Diretor de Relações com Investidores


08/08/2016 - LÍNEA AMARILLA BRASIL PARTICIPAÇÕES S.A. - LAMBRA - LNAM11

FATO RELEVANTE INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A.INVEPAR, sociedade anônima com sede na Av. Almirante Barroso, nº 52, salas 801, 3001 e 3002, Centro, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 03.758.318/0001-24 (“Invepar” ou “Companhia”), em atendimento às disposições da Instrução da Comissão de Valores Mobiliários (“CVM”) nº 358, de 03 de janeiro de 2002, conforme aditada (“Instrução CVM 358”), vem a informar ao mercado em geral que, conforme autorização do Conselho de Administração da Companhia, foram assinados em 05 de agosto de 2016 contratos de compra e venda de ações (“Contratos”), para a alienação da totalidade das ações de emissão da Línea Amarilla S.A.C.(“LAMSAC”), de titularidade subsidiária integral da Invepar, Linea Amarilla Brasil Participações S.A. (“LAMBRA”), pelo valor nominal referenciado a 31/12/2015 (“Preliminary Purchase Price”) de s/ 3.698.500.000,00 (três bilhões, seiscentos e noventa e oito milhões e quinhentos mil de soles); e, alienação da totalidade das participações societárias direta e indireta da Companhia PEX Peru S.A.C. (“PEX Peru”), pelo valor nominal referenciado a 31/12/2015 (“Preliminary Purchase Price”) s/ 37.300.000,00 (trinta e sete milhões e trezentos mil de soles) para a Vinci Highways S.A.S., sociedade constituída e organizada de acordo com as leis da França, registrada sob o nº 433 636 461 RCS Nanterre, com sede na rue Louis Blériot, 92500 Rueil-Malmaison, França (“VINCI”).Os Contratos preveem cumprimento de condições precedentes, dentre elas a obtenção da aprovação do Poder Concedente e dos financiadores da LAMSAC. A previsão da Companhia é que a operação esteja concluída em até 90 dias.O valor global da transação está sujeito a regras de atualização monetária, ajustes diversos previstos nos respectivos Contratos e o recebimento pela LAMBRA do pagamento integral de dívidas subordinadas com a LAMSAC. O valor bruto global da transação estimado na presente data é de R$ 4.553.170.075,00 (quatro bilhões, quinhentos e cinquenta e três milhões, cento e setenta mil e setenta e cinco de reais).O EBITDA1 da LAMSAC e da PEX Peru representaram 13,0% do EBITDA2 da Invepar em 2015 e nas projeções da Companhia representariam 18,9 % do EBITDA de 2020.Conforme divulgado no Fato Relevante publicado em 21 de janeiro deste ano, a Companhia esclarece que a alienação em referência tem como objetivo ampliar a capacidade de investimento da INVEPAR em infraestrutura no Brasil. Dessa forma, os recursos obtidos serão destinados à liquidação de compromissos financeiros da Companhia e investimentos em suas controladas.Rio de Janeiro, 08 de agosto de 2016.Erik da Costa BreyerDiretor Vice-Presidente Administrativo-Financeiro e de Relações com Investidores da Invepar